O Menino Maluquinho, de Ziraldo – Resenha

O Menino Maluquinho, de Ziraldo – Resenha

Sempre achei que eu fosse o próprio Menino Maluquinho. Olho maior que a barriga? Tinha. Fogo no rabo? Tinha. Vento nos pés, pernas enormes e macaquinhos no sótão? Tinha, tinha e tinha!

O Menino Maluquinho, obra prima escrita e ilustrada por Ziraldo, editada pela Melhoramentos, foi meu primeiro livro lido sem ninguém mandar. Pelo menos é disso que eu lembro. A edição que tínhamos em casa deveria ser dos meus irmãos mais velhos e os desenhos de Ziraldo me atraiam. A expressividade dos traços simples, monocromáticos (na maioria das páginas), tem tudo a ver com o texto direto e poético da história.

E tem humor, tem mistério, tem aventura e drama no Maluquinho, assim como na vida. Não existe sub-texto. Está tudo ali, escrito para quem quiser ler, mas a compreensão muda de acordo com a idade, devo confessar.

Ler o livro já adulto, já tendo dois filhos pequenos em casa, me permite enxergar lados da história que eram invisíveis 30 anos atrás, quando fiquei amigo do Menino. A ida dos pais ao cinema me intriga. Que filme foram ver? Como se relacionam? A reação ao anúncio da “bomba”, como seria a minha? E a estratégia da separação e o ensinamento profundo do maluquinho da Teoria dos Lados, como ressoaria em mim? Alguns desses pontos são recriados em minha mente, com os traços de Ziraldo, e agora o livro é outro.

Um clássico de quase 40 anos, que nasceu junto comigo, em 1980, e que ainda é um sucesso todas as noites, na hora de dormir. É o favorito do Gabriel. Quem tem um menino maluquinho em casa (na estante ou debaixo do cobertor, esperando pelo beijo de boa noite), sabe que tem por perto um companheirão.

 

Abaixo as partes favoritas destacadas lá no Instagram:

 Toda segunda-feira vou publicar uma resenha de um livro infantil, ou de livros que marcaram minha infância de alguma forma. Quer sugerir algum livro para aparecer aqui? Mande um comentário ou responda às enquetes lá no Instagram @livrotecastorytime 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *